ENTREVISTA DE KRISTEN COM A REVISTA NY

por Maria Mel

w83xo20wNova Iorque Janeiro de 2014. Kristen Stewart de jeans, ténis e um casaco da Balenciaga será apresentada oficialmente como a nova cara da fragrância da Balenciaga, Rosabotanica. Numa entrevista com a Vogue, ela fala sobre a fragrância ousada de rosa, como foi filmar na Alemanha e a sua queda pelo delineador.

Vogue: Parabéns, Nicolas Ghesquière de novo se comprometeu como um testemunho. Ele não é o único estilista que a admira…

Kristen Stewart: Honestamente, eu não posso explicar isso. Mas eu sinto-me muito confortável como musa. Conhece-se tantas pessoas talentosas que inspiram. Então, isso é mútuo. E eu gosto da energia criativa que existe nas sessões de fotos. É como se fizesse um filme pequeno e deu-me  uma nova abordagem sobre o mundo da moda e da  beleza.

A sessão de fotos para a campanha do Rosabotanica mostra flores exóticas a sua volta. Usa olhos esfumaçados e um coque despenteado. Como denomina sua vida dia a dia?
Eu gosto bastante de ser arranjada para sessões de fotos e premieres. E gosto de usar maquilhagem nos olhos se for apropriada para a ocasião. Mas para ser honesta, o que vê no tapete vermelho é o trabalho de estilistas muito talentosos. Pessoalmente, eu gosto de naturalidade. Eu prefiro usar roupas que são claras e fáceis. E muito delineador preto.

Delineador é, portanto, o produto de beleza sem o qual não sai de casa?
Eu não uso muita maquilhagem. Nunca foi importante para mim. Mas delineador preto eu tenho sempre comigo. Um óptimo produto, porque se pode variar.


Qual o seu visual favorito?
Esfumaçado e desarrumado. Eu sempre lavo a minha face a noite, mas eu nunca tiro a maquilhagem dos olhos. Fica tão bem na manhã seguinte!

Quando usa perfume?
Antes de ser a face de uma marca, eu não tinha muita experiência com perfumes. O cheiro fresco de rosas do Florabotanica tornou-se rapidamente a minha companhia para o dia. Eu raramente o substituo. É bom ter outra alternativa agora. Eu uso o Rosabotanica mais a noite. De alguma forma, a composição é mais apimentada e sensual mais ousada, eu prefiro usar quando saio.

No que está a trabalhar no momento?
Eu apresentei o meu novo filme, Camp X-Ray, no Sundance Film Festival. Foi muito bom ver a equipa do filme. Eu gosto bastante do festival pessoas boas e filmes independentes. E em breve eu vou começar a filmar Still Alice, em Nova Iorque, um projecto novo. Julianne Moore será a minha mãe que sofre de Alzheimer. Eu amo a Julianne, ela é uma atriz maravilhosa!

Em 2014, Sils Maria estará no cinema e parte foi filmado em Berlim. Gostou da cidade?
Nós trabalhamos muitos, mas eu fui sortuda o bastante para ter algum tempo para aproveitar a cidade. Eu adoro Berlim! É uma cidade tão única e dinâmica. Nós filmamos em Sils Maria, também, é lindo lá!

Vai as premieres, vai filmar em Nova Iorque e é uma embaixadora da beleza – o que mais deseja para o ano novo?
Eu fiz uma pausa que não foi planeada. Eu espero que em 2014 eu seja desafiada profissionalmente. Não há nada melhor do que fazer o que se ama.

Kristen, tem algo no seu cabelo,” uma das pessoas da equipe de Kristen Stewart diz na nossa entrevista no seu quarto de hotel, tirando uma farpa do seu cabelo para um lado. Ela vira-se para mim, fingindo irritação. “Muito obrigada! não ia dizer que isso estava lá?” Stewart é indiferente sobre a felpa porque 1: o cabelo dela parece bom e brilhante de qualquer forma e 2: ela não passa muito tempo a pensar na sua beleza. Ao longo da nossa entrevista sobre a sua rotina de beleza e do seu envolvimento novamente com a Balenciaga como a face da nova fragrância, Rosabotanica, Stewart tem que resistir ao impulso de fazer aspas com as mãos quando a palavra beleza é mencionada. The Cut conversou com Stewart sobre sua preferência por rostos inchados, gardénias e o ódio pelos  shampoos de hotel.

Como usa o perfume como parte do seu processo de atuação?
Sempre que me deparo com um produto que eu usei num filme anterior, ele leva-me de volta. Algumas vezes vão existir coisas que eu não posso usar, mesmo que funcione para um regime de beleza ou algo que funcione para o personagem. Eu vou ter que, literalmente, achar outro produto para usar.
Então, algo muito simples como shampoo  seco. Eu usei em The Runaways, e Joan usa também. Eu não podia usar mais. Eu estava lembrando muito. Também algumas loções e Rosebud, aquele chapstick em um tubo? Rosebud lip salve. Eu usei em algum filme quando eu era mais nova e então usei novamente. E então foi como ‘Whoa’. Foi bom para mim. Mas com fragrância, não, não é uma grande parte do meu processo.

Qual foi a sua primeira lembrança de um cheiro?
Minha flor favorita é a gardénia. A minha avó tinha um grande jardim de gardénias. E gardénias não são comuns. Quando as acha, é sempre como ‘Oh, que bom’. E é minha flor favorita agora também por causa disso.

Como o processo criativo do Florabotanica foi diferente do Rosabotanica?
O meu envolvimento não mudou muito, para ser honesta. Eu tive a oportunidade de usar. Eu não tenho nada com a construção da fragrância. Eu só posso ficar e ver as pessoas fazerem coisas maravilhosas. Eu sou muito próxima de Nicolas [Ghesquière] e essa história toda por trás tem sido muito boa. Nem sempre se encontram histórias, na moda, com este desenvolvimento. Algumas vezes é mais sobre como alguma coisa parece, e termina. Ou com fragrâncias, isso é uma foto bonita e vende o perfume. Isso é um pouco mais divertido porque é sobre contar uma história. Esse é o motivo pelo qual estou nisso e pelo qual eu atuo.
Florabotanica e Rosabotanica têm a mesma definição. Mas com Rosabotanica, é sobre alguém que se transformou a partir de olhos abertos, ainda assim famintos, uma nova pessoa. É alguém que esteve neste ambiente extremo e sobreviveu. Ela cresceu com isso. Ela pega nos aspectos que ela apreciou daquele ambiente e ignora o resto. Ela fica parte do seu ambiente ao invés de se tornar esse tipo de Alice no País das Maravilhas, que olha a sua volta e não reconhece nada. Está crescendo nela.

O que te surpreendeu sobre o perfume?
Provavelmente que eu gosto dele? Eu nunca fui fã da ideia de usar algum cheiro sintético. Não gosto da idéia disso. Mas quando eu comecei a usar tornou-se uma parte de mim. Pareceu natural.
Alguns perfumes cheiram terrivelmente. Eles cheiram como os da sua avó. Este nunca fez isso comigo. Eu, sinceramente, uso o Florbotanica sempre. Rosabotanica tem um cheiro mais profundo que o Florabotanica. Nesse, a rosa é mais forte. É uma fragrância mais doce. É a versão nocturna, mais séria. Isso é vago e meiotonto, mas é como New York VS L.A. Ou noite VS dia. Ou vermelho VS branco. É uma versão mais obscura disso.

Eu vi que se livrou das suas trancinhas. 
Sim, eu tirei-as ontem. Elas duram uma semana ou mais, se é difícil com o seu cabelo, e eu sou. Eu vou fazer de novo mais tarde. Eu gosto de tê-las. É confortável e deixa o meu cabelo afastado do meu rosto. Eu gostei de como ficou. Mas precisa de refazer uma vez por semana, ou então vai ficar feio. Elas estavam onduladas.

Como é a sua rotina de beleza?
Eu uso Proactiv. Funciona, é muito bom. Eu tenho usado a um bom tempo. Eu sou dependente dele. Eu uso o sistema de três passos. E eu tenho hidratar mais do que nunca. Aparentemente, isso é bo. Eu bebo muita água. Tipo, se ê não bebe água, fica horrível. Se bebe, essa é uma grande parte da minha rotina de “beleza”, eu acho.
Eu uso rímel, delineador e às vezes correctivo. Chapstick. Eu não gosto de cor nos meus lábios a não ser que seja para aparecer.
Eu não faço muita coisa do meu cabelo. Quando estou a  trabalhar, eu trato-o frequentemente. Há calor e cor nele. Quando eu não estou a trabalhar, eu apenas gosto de ser saudável. Eu não o lavo todo dia e gosto de trocar de shampoo. Eu uso bastante Kerastase. Eu gosto de usar, voltar para o antigo e depois para um novo, usar totalmente orgânicos. As pessoas dão-me bastante shampoos e condicionadores, então eu estou sempre ‘O que é isso?’ Eu nem sempre sei necessariamente o que eu uso.

Então não usa o shampoo do hotel.
Eu odeio quando eu me esqueço do shampoo e tenho que usar. Só porque fica seco depois.

Ou partido. 
Ou isso. Ou sem volume. Totalmente.

Como vê a beleza e o seu regime de beleza como parte de sua rotina do dia-a-dia?
Eu sou super sortuda porque o meu trabalho permite me divertir e levar as coisas ao extremo. Quando eu não estou no trabalho, eu tenho um regime muito básico. Eu não penso muito sobre minhas roupas  [faz gestos]. Eu não uso muita maquilhagem. Estou sempre a chegar ao ponto onde eu pareço eu acordei a última da hora. Sabe aquele visual que tem quando está de cara lavada? Está um pouco inchada, mas está muito bem? É o que eu gosto.

Como mantém isso ao longo do dia? 
Digo, mas não o faço. Mas está tudo bem. Eu apenas gosto quando as pessoas parecem que não estão tentando. E o único modo de fazer isso é não tentando.

FONTES: nymag.com VIAS: team_kbitch E kstewartfans

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: